Tools

2019 04 16 AMUSEP MG 5529 1Ação faz parte de uma parceria que está sendo iniciada para que Universidade ajude a impactar o desenvolvimento nos municípios. Veja galeria de fotos

A Universidade Estadual de Maringá (UEM) e a Associação dos Municípios do Setentrião Paranaense (Amusep) deram, hoje (16), os primeiros passos para a consolidação de uma parceria em que os prefeitos receberão apoio técnico para elaboração de políticas públicas voltadas ao desenvolvimento econômico dos municípios que integram a Associação. No dia 14 de maio de maio deverá ser apresentado o primeiro projeto a ser desenvolvido dentro desta parceria.

O encontro desta terça-feira ocorreu na sede da Amusep, em Maringá, o encontro é fruto da reunião, realizada no dia 25 de março deste ano, entre o presidente da Amusep, Fábio Fumagalli Vilhena de Paiva, prefeito de Atalaia, e a Reitoria da UEM.

Reafirmando que o eixo principal da parceria será, inicialmente, o trabalho nas questões ligadas ao agronegócio, baseado na agricultura e na pecuária, o reitor Julio Damasceno disse que a estratégia é não esquecer que vivemos numa economia altamente competitiva, num mundo globalizado, à luz da inovação e da tecnologia.

Por isso, segundo ele, a parceria deve ser fixada tendo como guia o modelo de desenvolvimento agroalimentar de impacto que precisa ser estabelecido.

Para o reitor, os desafios a serem analisados, visando obter bons resultados desta união, são o risco da monocultura, o ecossistema sensível, o envelhecimento da população do campo, a questão agrária e a competividade.

Lembrou que nesta área a UEM oferece, dois cursos de Agronomia (um no câmpus sede e outro no Câmpus Regional de Umuarama), Zootecnia (câmpus sede), Medicina Veterinária (também em Umuarama) e Engenharia Agrícola (Câmpus do Arenito, em Cidade Gaúcha).

Juntos, estas graduações envolvem 140 professores doutores, muito bem treinados e que atuam como formadores de profissionais.

O reitor falou ainda da parceria que a UEM possui com diversas entidades públicas e privadas, incluindo os acordos de cooperação internacional, em vários países.

Além dos prefeitos e vice-prefeitos, do reitor e de alguns professores e pesquisadores da área de ciências agrárias, participaram do encontro representantes da Emater, Seab, Samu, entre outros setores.

O mesmo grupo deve voltar a reunir-se nos dias 25 deste mês e 3 de maio para formatar o primeiro projeto a ser desenvolvido dentro desta parceria. Os encontros serão realizados na UEM.

uem tv